quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Amor sem limites...


Ofereço-te palavras vivas
Laços e Afagos...
Amor desmedido
Sem freio, sem malicia
Amor arrebatado
Amor arriscado
Guardo algo, que se será sempre lembrado
Com silencio!
Eu ouço o sentido do amor
O amor, ele pode ser... Generoso, inflamado e sereno
O amor pode ser... Cúmplice, puro e fantasiado
Amor sem limites
Amor ardente
Amor que grita que berra
Que pede e insiste
Amor com equilíbrio
Amor com liberdade
Ele é moldado com toda sua essência e traços
(Jéssica)

1 comentários:

Pérola disse...

ÊE Morzóide você araza nesses textos em!!! Bju te amo